Segundas sem carne

segundas-sem-carne

aqui comentei que a carne tem uma pegada ecológica enorme:

  • Os gases que provocam efeito de estufa libertados pela produção de vacas (leia-se, pelas milhares de vacas!) superam os libertados pelos automóveis, a nível mundial!
  • Florestas são deitadas abaixo para plantar soja para alimentar os animais.
  • Uma enorme quantidade de água é gasta na produção de carne, dado que se tem de ter em conta a água gasta nas plantações de soja e depois na produção da carne propriamente dita, na manutenção dos espaços para os animais, etc.

Para além de ser péssimo para o ambiente, a produção de carne comporta, geralmente, maus tratos extremos para os animais. Já toda a gente deve ter visto, pelo menos uma vez nos telejornais, notícias sobre como os animais estão presos sem espaço, por exemplo, e há trabalhadores que têm gosto em jogar futebol com frangos, ou pior (vejam aqui e aqui).

Igualmente, um excesso de carne (principalmente cheia de hormonas e antibióticos) faz mal à saúde e sabe-se que nos países ocidentais come-se demasiada carne em geral.

Deste modo, existe desde 2003 uma campanha que propõe que à segunda-feira (ou pelo menos um dia por semana) não se coma carne. A campanha começou nos EUA e chegou a Portugal em 2011, estando representada em 24 países.

A página portuguesa da campanha, contém vários tipos de informação sobre a mesma, assim como receitas vegetarianas.

Podem encontrar mais informação, por exemplo, nas seguintes páginas:

Não comer carne é mais fácil do que parece! A sério… e olhem que vos fala uma pessoa que não gosta nada de legumes! Mas o que é certo é que os vegetais e a fruta são do melhor para o nosso organismo e, se quisermos ser completamente egoístas, basta pensar nisto para pelo menos uma vez por semana não comermos carne.

O que acham desta ideia? Vão aderir?

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Wise up. ligação permanente.

9 respostas a Segundas sem carne

  1. Muito interessante! Desconhecia esta campanha, mas faz todo o sentido. Pessoalmente, costumo diversificar a alimentação durante a semana, substituindo a carne por outros alimentos, por uma questão de gosto e também porque faz bem à saúde. 😉

    • justwiseup diz:

      Eu já fui vegetariana mas, por não gostar de legumes, estava a ficar sub-nutrida… quero voltar a ser, mas por agora estou a ver se aprendo a gostar de verduras… enfim…

      Mas ainda bem que consegues fazer esse tipo de alimentação! Feijão com arroz, por exemplo, é uma refeição com proteína completa! Ah, e as couves têm as proteínas completas! Descobri isso há pouco tempo, fiquei espantada, nunca pensei!

      • Não sou vegetariana, mas gostava muito de ser e de saber ser! Em tempos fiz um workshop de comida vegetariana e macrobiótica e gostei muito, mas sinto que neste momento é difícil colocar em prática, por causa da família. Mas não prescindo, de vez em quando de colocar a carne de lado, pois gosto muito de refeições vegetarianas! 😉

      • justwiseup diz:

        Tenho tanta inveja de quem come bem legumes e fruta que nem imaginas! Bem, os problemas de saúde deves evitar facilmente! 🙂

        O ser humano é um animal que já percebe de alimentação o suficiente para poder deixar a carne de lado. A nossa suposta inteligência tem de servir para alguma coisa eheheh Em relação às crianças é que tenho mais dúvidas, realmente… como estão em crescimento, é preciso ter a certeza que comem mesmo todos os nutrientes essenciais e nas quantidades certas.

        Espreita o comentário que fiz em baixo, em resposta à Rosicler.

        🙂

  2. Rosicler diz:

    Acho muito interessante a campanha, principalmente para pessoas que se alimentam frequentemente de carne. Pessoalmente, esta campanha até acaba por ser mais uma pequena motivação e ajuda nos pequenos passos que estou a começar a dar rumo ao vegetarianismo.
    Um ótima partilha aqui no blog 🙂

    • justwiseup diz:

      Obrigada! 🙂

      Eu já fui vegetariana e espero voltar a ser. Se gostares minimamente de legumes e fruta é muito fácil de se ser. A comida chinesa e indiana, por exemplo, é uma óptima opção quando é preciso comer fora, porque têm sempre vários pratos vegetarianos. No Porto, há mesmo nos centros comerciais uns restaurantes vegetarianos… e os outros restaurantes de fast food hoje em dia têm sempre opções vegetarianas.

      Recomendo vivamente não andar a substituir a carne por soja. A soja – principalmente quando ingerida com frequência – não faz bem à saúde. Ao que parece, interfere, por exemplo, com a tiroide. Além disso, muitas florestas têm sido deitadas abaixo para plantar soja… que ainda por cima vem do outro lado do mundo!

      Em relação à vitamina B12, há algas que a contêm, que podem facilmente ser inseridas pelo meio de tudo o resto 🙂

      O Centro Vegetariano (http://www.centrovegetariano.org/), por exemplo, é um site com muita informação, vendendo também alguns produtos que não encontramos noutros lados.

      Boa sorte! Qualquer dúvida, estou ao dispor 🙂

  3. Pingback: Pizza vegetariana a “olhómetro”! | Wise Up

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s